Clique aqui e Saiba mais
doe agora TV TV
INÉDITO:
REPRISES:
  • DOM01:00
  • SEG03:30
  • SEX00:30

Comente



  • Branca em 14 de agosto de 2014 6:51

    Ola Darleide, amo assistir o Sem Tabus. O tema de hoje e especialmente interessante para mim.
    Tenho duas filhas e faco tudo, tudo mesmo para nao expo-las a conteudos sexuais Elas nao assistem tv, nao ouvem musica secular, nao tem celular , nao dormem na casa de ninguem, nem mesmo dos avos, nao vao a festas, cinema…porem, meu marido tem o pessimo habito de ficar me agarrando na frente delas. A forma como ele me toca nao e intima, mas, percebe-se que tem conotacao sexual ( beijo no pescoco muito demorado, acaricia minha cintura…). Ja pedi inumeras vezes para ele nao fazer isso perto das meninas, mas, ele me ignora.
    Acho que minha filha mais velha fica incomodada e evita me olhar nos olhos.
    Como eu posso falar com ela sobre este assunto?
    Meu marido acha que nao ha nada demais em demonstrar afeicao,mas, esquece que nossa filha mais nova ( ela tem 3 anos ) esta com o habito de querer nos beijar nos labios ( meu marido vive me dando selinho, mas, nunca me beijou a francesa na frente delas ).
    Sera que estamos sexualizando as meninas precocemente?
    Na minha familia sempre foi uma coisa feia demonstrar qualquer tipo de intimidade.
    Minha mae por exemplo fica ofendida se ver qualquer uma de suas filhas, ainda que casadas, darem um selinho em seu maridos. Acho que sofro da mesma paranoia ( nao gosto de ver demonstracoes de afeicoes entre casais ).



  • Terezinha em 4 de setembro de 2014 12:59

    Na verdade gostaria de fazer uma pergunta.
    Na sua concepção é pecado fazer cirurgias plásticas e colocar Silicone
    Tenho dúvida quanto ao assunto
    Muitos já me fizeram essa pergunta
    Qual a sua opinião dentro dos princípios bíblicos



  • joao sandro em 27 de setembro de 2014 13:27

    muito bom ,este progama e enriquecedor,parabens….



  • valdetina em 2 de outubro de 2014 10:32

    adoro o sem tabus. me ajudou muito na cura do abuso sexual e a entender sobre a masturbacao agradeco a deus pela vida de voces. beijos tininha



  • Nilcéia em 9 de outubro de 2014 22:45

    Olá, tenho 40 anos, sou adventista, nunca fui casada, não tenho filhos, tenho depressão leve, sou complexada, ansiosa. Fiz terapia há uma ano atrás com um profissional não cristão. Gostei muito, homem muito atencioso, respeitoso, querido e atraente. Porém, chegou um momento que quase desisti, pois, ficava meio sem graça por me senti atraída pelo meu médico, ia pra consulta com o coração acelerado, gostava muito de ficar perto dele. Sinto muita saudade! Fui visitá-lo duas ou três vezes depois que recebi alta, ele me recebeu muito bem. Nunca revelei meu sentimento, como profissional ele deve ter percebido. Senti um vazio, tristeza depois que saí da sua presença na última visita. Penso nele quase todos os dias, acho que me apaixonei, só que não sofro, ao contrário lembro dele com muito carinho e alegria. O meu sentimento por ele é paixão, carência ou é fantasia de paciente? Estou em pecado? Grande abraço, Nilcéia



  • Edneia em 16 de outubro de 2014 23:41

    Gostaria de ver o programa SEM TABU q foi exibido no dia 15/10/2014 não consegui localiza lo aqui se puderem me ajudar agradeço..bjus