INÉDITO:
REPRISES:

Milhares de pessoas visitam suposto túmulo de Jesus no Japão


A maioria dos cristãos entende que Jesus viveu 33 anos e que morreu na cidade de Jerusalém, conforme está escrito na Bíblia Sagrada. No entanto, um pequeno povoado no Japão acredita que a biografia de Jesus não é bem assim. A comunidade de Shingo, acredita que Jesus não morreu com 33, mas com 109 anos, que Ele se casou, teve três filhas e que quem foi crucificado em Jerusalém, não foi ele, mas o seu irmão. Segundo essa crença, o verdadeiro lugar onde Jesus teria sido sepultado, seria ali mesmo na pequena cidade japonesa. A tal lenda atrai 20 mil turistas todos anos e tem feito sucesso em toda região. A origem da lenda, ninguém sabe ao certo, mas ela é parte central do turismo da comunidade.

Você está em: Em Pauta

Compartilhe:


Comente