Lei dos agrotóxicos: Avanço ou retrocesso?

Projeto de lei quer mudar o nome dos agrotóxicos para “defensivos agrícolas” e “produtos fitossanitários”. Vai liberar licenças temporárias e prevê que a análise dos produtos proíba apenas as substâncias que apresentem “risco inaceitável”. Mas existem riscos aceitáveis quando se fala em saúde pública e proteção ao meio ambiente?


Comente