doe agora TV TV
INÉDITO:
  • TER-QUI22:00
REPRISES:
  • DOM10:30
  • QUA03:30
  • QUI00:30
  • SEX09:30
  • SAB09:00
  • SAB20:00

Comente



  • Pedro Pijak em 25 de abril de 2015 10:36

    Estou frequentando uma igreja adventista, e já finalizei um curso bíblico. pensei quê seria batizado, pois estudo muito a palavra; na igreja e nos cursos bíblicos da novo tempo, com auxílio da Bíblia. más apesar disso, pediram-me para iniciar outro curso dentro da igreja. minha pergunta é: gostaria de saber o quê é preciso para ser batizado, e quanto tempo leva. sei o quê a Bíblia fala a respeito, por isso estou confuso com relação a igreja.



    • Idely - Instrutora Bíblica e Conselheira em 26 de abril de 2015 7:57

      É maravilhoso saber que deseja se batizar querido amigo e irmão PEDRO, veja em Mateus 28:20 diz que antes do batismo a pessoa precisa ser ensinada sobre as verdades bíblicas e aceita-las. Você já conversou com o Pastor sobre o batismo? Vamos aguardar seu retorno. Estamos orando por você.
      Que as bênçãos do Céu repousem sobre sua vida hoje e sempre, Deus tem planos especiais para sua vida, conte sempre conosco, um grande abraço dos amigos do EE.



  • maria em 15 de abril de 2015 20:53

    o batismo tem que ser em água corrente ?sim ou não..



    • Idely - Instrutora Bíblica e Conselheira em 16 de abril de 2015 16:55

      Querida amiga MARIA, agradecemos o seu contato conosco. O batismo bíblico é realizado por imersão. Simboliza o sepultamento dos pecados e a ressurreição espiritual.Leia Marcos 1:9,10 está escrito como Jesus foi batizado por João. O que acha de estudar conosco a Palavra do Senhor por e-mail? Vamos aguardar seu retorno, que Deus te abençoe sempre, um grande abraço seus amigos do Está Escrito.



  • ja em 17 de março de 2015 21:33

    gostei do verdadeiro batismo,desejo receber um estudo deste gratuito. bom,importante,



    • Idely - Instrutora Bíblica e Conselheira em 21 de março de 2015 15:43

      Olá! NILE, louvado seja Deus por isso, ficamos muito felizes em poder te enviar este material, apenas lhe pedimos a gentileza de enviar seus dados para estaescrito@novotempo.com, pois é um outro pessoal que é responsável pelo envio deste material. Porém, enquanto isso, gostaríamos de estudar a Palavra de Deus contigo por e-mail, seria uma alegria enorme para nós, você aceitaria? Estaremos aguardando seu retorno, conte sempre conosco, que Deus abençoe muito a sua vida, um grande abraço dos seus amigos do EE.



  • Deyvid Lima em 25 de fevereiro de 2015 21:38

    Oi!! estou aqui novamente depois de um ano para agradecer ! Ha um ano atras eu estava pensando em me tornar um adventista do setimo dia. Entao comecei a acompanhar o programa e hoje eu ja sou membro dessa igreja maravilhosa. Obrigado mais uma vez por terem servido de canal de bencaos para a minha vida. A minha oracao e para que as verdades eternas estejam cada vez mais arraigadas no meu coracao e mente. E enfim um dia poderei agradecer pessoalmente voces la no ceu. E isso nao vai demorar nao hehe.



  • Michele de Campos em 23 de fevereiro de 2015 0:39

    Bom dia, estou muito feliz e gostaria de partilhar essa felicidade com todos, e assim vou. O dia que tanto esperei, esta chegando! Meu batismo! Peço a todos que orem por mim, pois estou feliz e com medo ao mesmo tempo… srsrs



    • Idely - Instrutora Bíblica e Conselheira em 26 de fevereiro de 2015 14:52

      Notícia maravilhosa querida amiga e irmã MICHELE, louvado seja Deus!
      Quando será esse dia abençoado? compartilhe conosco!
      O amor que Deus tem por você e infinitamente eterno, parabéns por decidir aceitar esse lindo amor.
      Que Deus te abençoe sempre, conte conosco, um grande abraço com muita alegria!
      Seus amigos do Está Escrito.



  • debora Andrade em 19 de novembro de 2014 21:38

    Quero me batizar



    • Idely - Instrutora Bíblica e Conselheira em 21 de novembro de 2014 19:48

      Que alegria querida amiga e irmã DEBORA, você frequenta alguma igreja? Conhece a Igreja Adventista do Sétimo Dia?
      Você é nossa convidada entre no site: http://www.encontreumaigreja.com.br e encontre uma Igreja mais próxima de sua residência.
      Podemos conversar contigo por e-mail?
      Vamos entrar em contato contigo, que Deus te abençoe sempre um forte abraço seus amigos do Está Escrito.



  • Marco Magalhães em 13 de outubro de 2014 19:26

    Que a Graça de Deus esteja convosco.
    Sou batizado por imersão em outra denominação, e atualmente frequento a IASD.
    Por acreditar nos 10 mandamentos, sempre acreditei no sábado, apenas não o praticava.Por tal razão a minha mudança de decisão.
    Uma vez que eu estava ciente da verdade, estando claro a luz da palavra, acredito não ser obrigado ao rebatismo.
    Pergunto, isto posto, se eu não me rebatizar, significa que não terei os direitos dos membros batizados na IASD ?



    • Roberto- Instrutor Bíblico e Conselheiro em 20 de outubro de 2014 7:47

      Deus seja louvado por sua decisão querido irmão MARCO, a Palavra de Deus não proíbe e também não obriga que uma pessoa batizada por imersão o faça novamente (se a pessoa foi batizada por “aspersão”, deve, obrigatoriamente, ser “rebatizada”). Se a denominação de onde a pessoa veio for cristã e ela tenha mergulhado nas águas pode optar pela profissão de fé, se assim o desejar.
      Por isso, recomendo que estude bem [com espírito de oração] as instruções a seguir da escritora cristã Ellen White no livro Evangelismo, págs. 373 a 375 (grifos meus):
      “A questão do rebatismo deve ser tratada com o máximo cuidado. Depois de ser apresentada a questão do sábado e outros pontos importantes de nossa fé, e de as almas manifestarem coragem moral para se colocarem ao lado da verdade, verão esta questão à luz da Bíblia, uma vez que estejam plenamente convertidas. Mas alguns têm tratado desavisadamente desses assuntos, e Deus tem enviado repetidas reprovações. Os que colocam na frente o assunto do rebatismo, fazendo-o de tanta importância como o do sábado, não estão causando a devida impressão na mente das pessoas, nem apresentando corretamente a questão. Requer grande discriminação introduzir verdades afins com o sábado, manejando bem a Palavra, dando a cada um no devido tempo, sua porção de alimento.

      “Os que tomam sobre si a cruz do sábado, têm tremenda batalha a combater com o próprio eu e os interesses egoístas que se querem interpor entre sua alma e Deus. Então, ao darem este grande passo e firmarem os pés na plataforma da verdade eterna, precisam ter tempo para se habituarem a essa nova posição, sem que os apressem na questão do rebatismo. Ninguém deve tornar-se consciência para outro ou insistir e fazer pressão quanto ao rebatismo.

      “Isto é um assunto em que cada indivíduo precisa conscienciosamente tomar sua atitude no temor de Deus. Deve ser cuidadosamente apresentado no espírito de benignidade e de amor. Portanto, o dever de insistir não pertence a ninguém senão a Deus; dai-Lhe oportunidade de atuar por meio de Seu Espírito Santo na mente, de modo que o indivíduo seja perfeitamente convencido e satisfeito no que respeita a esse passo avançado. Nunca se deve permitir que se introduza e prevaleça nesse assunto o espírito de debate e contenda. Não tomeis a obra do Senhor das Suas para as vossas próprias mãos. Os que têm tomado conscienciosamente uma atitude quanto aos mandamentos de Deus, uma vez que se lide com eles devidamente, hão de aceitar toda verdade essencial. Exige, porém, sabedoria o lidar com a mente humana. Alguns serão mais tardios em ver e compreender algumas verdades correlacionadas do que outros, especialmente no que respeita ao rebatismo; porém há mão divina a guiá-los – um espírito divino impressionando-lhes o coração, e eles saberão o que lhes cumpre fazer, e o farão. Nenhum de nossos zelosos irmãos faça mais que o necessário nessa questão. Estarão em risco de ir adiante do Senhor, e criar para outros provas que Ele os não solicitou a criar. Não é a tarefa de nenhum de nossos instrutores insistir no rebatismo de ninguém. Cumpre-lhes assentar os grandes princípios das verdades bíblicas; isto especialmente no que diz respeito ao rebatismo. Deixai então a Deus a obra de convencer a mente e o coração…

      “Toda alma sincera que aceita o sábado do quarto mandamento, verá e compreenderá a seu tempo o dever que lhe cabe. Mas isto levará tempo da parte de alguns. Não é um assunto a ser impelido ou forçado quanto aos que chegaram recentemente à verdade, porém esse assunto atuará como o fermento; o processo será lento e quieto, mas fará sua obra, caso nossos irmãos que ministram não sejam demasiado apressados e malogrem o desígnio de Deus.

      “Os que atentaram por muito tempo para esse assunto, vêem-no bem claramente, e pensam que todos os outros deviam ver tal como eles vêem. Não consideram que, para alguns dos recém-chegados à fé, isso parece como negar toda a sua vida religiosa passada. A seu tempo, porém, chegarão a ver e considerar o assunto diferentemente. Como a verdade esteja constantemente se desenvolvendo no seu espírito, verão os passos avançados que devem dar; nova luz irradiará em seu caminho; o Espírito de Deus lhes atuará na mente, uma vez que homens não interfiram e os procurem impelir às atitudes que julgam ser a verdade.

      “Ora, fique claramente compreendido, de tempos a tempos, em toda a nossa experiência, Deus me tem dado testemunhos de advertência para nossos irmãos relativamente ao tratar do rebatismo. Nosso bom irmão e vários outros de nossos pastores, foi-me mostrado, estavam cometendo um erro em determinado ponto de sua vida em acentuar o rebatismo e fazer dele uma prova de discipulado. Esta não é a maneira por que a questão deve ser tratada. É assunto para ser lidado como um grande privilégio e bênção, e todos quantos são rebatizados, caso tenham a justa idéia acerca dessa questão, assim hão de considerá-la. Esses bons irmãos não estavam levando os recém-chegados à fé passo a passo, cautelosamente, e o resultado é que alguns se desviaram da verdade, quando um pouco de tempo e um trato benigno e cuidadoso com eles haveriam impedido todos esses tristes resultados. Carta 56, 1886”.
      No Manual da Igreja há esta instrução de Ellen White. É dito que devemos deixar que o Espírito Santo coloque o desejo do rebatismo no coração do crente. Se o cristão preferir a Profissão de Fé (na frente da congregação a pessoa reafirma sua crença nas principais doutrinas e é recebida como membro), sua decisão deve ser respeitada. Você já conversou com o Pr sobre isso?
      Portanto, ore ao Senhor e siga aquilo que Ele colocar em seu coração, depois nos diga a sua decisão, que em nossa vida espiritual nós sejamos firmes e tenhamos uma conversão genuína, pura e plena, que Deus permaneça contigo e cada segundo de sua vida, conte sempre conosco um grande abraço dos seus amigos do Está Escrito.



  • bette silva em 8 de setembro de 2014 3:02

    olá pastor, entendo que o ato de profissao de fé deve ser aplicado em 4 situações: 1)desaparecimeto; 2)vir batizado de outra denominação e não querer descer as aguas novamente; 3)vir de uma igreja sem a transferencia, pedi-la inumeras vezes e nao recebe-la e 4)vir de um lugar(país) que por circunstancias mundias não pode trazer nem pedir a carta … sou adventista (secretária da igreja) e recentemente ocorreu na minha igreja a profissao de fe de 2 pessoas que se enquadram na 1ª situação(eles nunca deixaram de ser membros, sempre estiveram la, a secretária anterior que cometeu esse equívoco), então, preenchi a ficha e marquei profissao de fé… o pastor os batizou. questionei isso e ele disse que ele nao fez nada de errado, que na profissao de fé, pode-se descer às águas…



  • Roberto Queiros em 2 de setembro de 2014 17:24

    Olá ! Eu tenho uma Dúvida, Quero me Batizar Com as doutrinas bíblicas, mas quero fazer isso de uma forma caseira, em umas piscina em casa e meu pai me batizando, sera que posso ?
    Obrigado pela atenção, e admiro muito o programa a tv novo tempo e os adventistas !



    • Roberto- Instrutor Bíblico e Conselheiro em 7 de setembro de 2014 8:19

      Olá querido irmão ROBERTO, Deus seja louvado por sua decisão de se batizar, saiba que esta é a maior e melhor decisão que podemos tomar em nossas vidas, ficamos muito felizes e gratos ao Senhor por isso.

      Nos diga uma coisa, você está frequentando alguma Igreja Adventista do Sétimo Dia?

      Aguardaremos seu retorno, que Deus te abençoe, te fortaleça e te use poderosamente em sua vida para que, através das suas atitudes e decisões, mais pessoas possam caminhar ao lado de Jesus nas dificuldades que a vida nos proporciona, conte sempre conosco um grande abraço dos seus amigos do Está Escrito.



  • juliana em 16 de julho de 2014 10:06

    OI? IREI ME BATIZAR ESSA SEMANA!!! E ESTOU MUITO FELIZ POR TER TOMADO ESSA DECISÃO TÃO IMPORTANTE…. TENHO CERTEZA E CONVICÇÃO DO QUE EU QUERO ” SERVIR A JESUS E RECONHECER QUE ELE É MEU ÚNICO E SUFICIENTE SALVADOR”



    • Instrutor e Conselheiro em 20 de julho de 2014 22:54

      Louvado seja Deus querida irmã JULIANA, esta é a maior e melhor decisão, parabéns por isso. Você poderia nos enviar seu testemunho contando como foi esta decisão para nós?

      Vamos aguardar seu retorno, Deus é justo e amor em todas as Suas ações, Ele quer te fazer feliz neste mundo e principalmente te preparar para a vida eterna, que você siga sempre as verdades do Senhor em sua vida, conte sempre conosco um grande abraço dos seus amigos do Está Escrito.



  • jaqueline em 22 de maio de 2014 21:45

    Sou batizada em outra igreja evangélica, se um dia eu passar para a igreja adventista tenho q me rebatizar?



    • Instrutor e Conselheiro em 26 de maio de 2014 9:38

      Olá querida irmã JAQUELINE, a Bíblia menciona uma ocasião em que pessoas, que não tinham pleno conhecimento da verdade, foram rebatizadas (Atos 19:1-9). Elas fizeram novamente um compromisso público com Deus.
      A Palavra de Deus não proíbe e também não obriga que uma pessoa batizada por imersão o faça novamente (se a pessoa foi batizada por “aspersão”, deve, obrigatoriamente, ser “rebatizada”). Se a denominação de onde a pessoa veio for cristã e ela tenha mergulhado nas águas pode optar pela profissão de fé, se assim o desejar.
      Por isso, recomendo que estude bem [com espírito de oração] as instruções a seguir da escritora cristã Ellen White no livro Evangelismo, págs. 373 a 375 (grifos meus):
      “A questão do rebatismo deve ser tratada com o máximo cuidado. Depois de ser apresentada a questão do sábado e outros pontos importantes de nossa fé, e de as almas manifestarem coragem moral para se colocarem ao lado da verdade, verão esta questão à luz da Bíblia, uma vez que estejam plenamente convertidas. Mas alguns têm tratado desavisadamente desses assuntos, e Deus tem enviado repetidas reprovações. Os que colocam na frente o assunto do rebatismo, fazendo-o de tanta importância como o do sábado, não estão causando a devida impressão na mente das pessoas, nem apresentando corretamente a questão. Requer grande discriminação introduzir verdades afins com o sábado, manejando bem a Palavra, dando a cada um no devido tempo, sua porção de alimento.

      “Os que tomam sobre si a cruz do sábado, têm tremenda batalha a combater com o próprio eu e os interesses egoístas que se querem interpor entre sua alma e Deus. Então, ao darem este grande passo e firmarem os pés na plataforma da verdade eterna, precisam ter tempo para se habituarem a essa nova posição, sem que os apressem na questão do rebatismo. Ninguém deve tornar-se consciência para outro ou insistir e fazer pressão quanto ao rebatismo.

      “Isto é um assunto em que cada indivíduo precisa conscienciosamente tomar sua atitude no temor de Deus. Deve ser cuidadosamente apresentado no espírito de benignidade e de amor. Portanto, o dever de insistir não pertence a ninguém senão a Deus; dai-Lhe oportunidade de atuar por meio de Seu Espírito Santo na mente, de modo que o indivíduo seja perfeitamente convencido e satisfeito no que respeita a esse passo avançado. Nunca se deve permitir que se introduza e prevaleça nesse assunto o espírito de debate e contenda. Não tomeis a obra do Senhor das Suas para as vossas próprias mãos. Os que têm tomado conscienciosamente uma atitude quanto aos mandamentos de Deus, uma vez que se lide com eles devidamente, hão de aceitar toda verdade essencial. Exige, porém, sabedoria o lidar com a mente humana. Alguns serão mais tardios em ver e compreender algumas verdades correlacionadas do que outros, especialmente no que respeita ao rebatismo; porém há mão divina a guiá-los – um espírito divino impressionando-lhes o coração, e eles saberão o que lhes cumpre fazer, e o farão. Nenhum de nossos zelosos irmãos faça mais que o necessário nessa questão. Estarão em risco de ir adiante do Senhor, e criar para outros provas que Ele os não solicitou a criar. Não é a tarefa de nenhum de nossos instrutores insistir no rebatismo de ninguém. Cumpre-lhes assentar os grandes princípios das verdades bíblicas; isto especialmente no que diz respeito ao rebatismo. Deixai então a Deus a obra de convencer a mente e o coração…

      “Toda alma sincera que aceita o sábado do quarto mandamento, verá e compreenderá a seu tempo o dever que lhe cabe. Mas isto levará tempo da parte de alguns. Não é um assunto a ser impelido ou forçado quanto aos que chegaram recentemente à verdade, porém esse assunto atuará como o fermento; o processo será lento e quieto, mas fará sua obra, caso nossos irmãos que ministram não sejam demasiado apressados e malogrem o desígnio de Deus.

      “Os que atentaram por muito tempo para esse assunto, vêem-no bem claramente, e pensam que todos os outros deviam ver tal como eles vêem. Não consideram que, para alguns dos recém-chegados à fé, isso parece como negar toda a sua vida religiosa passada. A seu tempo, porém, chegarão a ver e considerar o assunto diferentemente. Como a verdade esteja constantemente se desenvolvendo no seu espírito, verão os passos avançados que devem dar; nova luz irradiará em seu caminho; o Espírito de Deus lhes atuará na mente, uma vez que homens não interfiram e os procurem impelir às atitudes que julgam ser a verdade.

      “Ora, fique claramente compreendido, de tempos a tempos, em toda a nossa experiência, Deus me tem dado testemunhos de advertência para nossos irmãos relativamente ao tratar do rebatismo. Nosso bom irmão e vários outros de nossos pastores, foi-me mostrado, estavam cometendo um erro em determinado ponto de sua vida em acentuar o rebatismo e fazer dele uma prova de discipulado. Esta não é a maneira por que a questão deve ser tratada. É assunto para ser lidado como um grande privilégio e bênção, e todos quantos são rebatizados, caso tenham a justa idéia acerca dessa questão, assim hão de considerá-la. Esses bons irmãos não estavam levando os recém-chegados à fé passo a passo, cautelosamente, e o resultado é que alguns se desviaram da verdade, quando um pouco de tempo e um trato benigno e cuidadoso com eles haveriam impedido todos esses tristes resultados. Carta 56, 1886”.
      No Manual da Igreja há esta instrução de Ellen White. É dito que devemos deixar que o Espírito Santo coloque o desejo do rebatismo no coração do crente. Se o cristão preferir a Profissão de Fé (na frente da congregação a pessoa reafirma sua crença nas principais doutrinas e é recebida como membro), sua decisão deve ser respeitada. Caso se sinta melhor reafirmando o seu compromisso e “casamento público” com Jesus por meio do rebatismo, não deverá ser impedido.
      Portanto, ore ao Senhor e siga aquilo que Ele colocar em seu coração.
      O que pensa a respeito, que as bênçãos do Céu repousem sobre sua vida hoje e sempre, Deus tem planos especiais para sua vida, conte sempre conosco, um grande abraço dos amigos do EE.



  • jaqueline em 22 de maio de 2014 21:43

    O que é profissão de fé?



  • Dorival Bonasio em 16 de abril de 2014 11:28

    O Batismo de Cid Moreira

    http://adventismoemfoco.wordpress.com/2013/08/11/o-batismo-de-cid-moreira/

    Publicado em agosto 11, 2013 por IASD

    cid moreira batismo

    Correção: Cid Moreira e Fátima Sampaio foram batizados nas águas do rio Jordão pela pastora Jane Silva presidente da Comunidade Internacional Brasil & Israel.

    Cid Moreira narra CDs com estudos bíblicos para a Igreja Adventista do Sétimo Dia e já declarou apreciar os livros de Ellen White.

    Minha pergunta: por que deixar um homem que nem cre, apenas afirma que “aprecia” as doutrinas adventistas e tampouco faz parte como um membro ativo da IASD e sim de outra seita, permitir que o ensino da “VERDADE DA PALAVRA DE DEUS” seja propagada por alguem que ‘so busca ganhar $$$ tirados dos dizimos e ofertas !

    Quantos com voz de locutores de radio e TV Novo Tempo temos e que são fiés ao Senhor e não são convidados a gravarem?! Certamente,é porque não são “ex globais” e diga-se que a GLOBO É TOTALMENTE INSTRUMENTO DO INIMIGO N. 1 DE DEUS! Ou não?!

    E depois vem falar e ensinar a PALAVRA DE DEUS em nome de Jesus e dos fiés cristãos ASD?

    Pr. Saraiva e Cia…acordem!!! O Sr. prega para que deixemos as “coisas deste mundo” pois o amor do Pai não está naqueles que estão com um pé no mundo e outro na IASD….

    Já ouvi falar e certamente os Srs. tambem, por meio de alguns Pastores ASD, que buscam com todas as forças , serem fiéis seguidores dos principios biblicos e do Espírito de Profecia afirmarem que infelizmente, teremos muitas surpresas quando Jesus voltar e entre elas será o fato de vermos nao só irmãos na fé , mas pastores de todos os escalões, que achavamos estar 100% nos Caminhos e nas Verdades de Cristo, serem deixadas para traz, aqui nesta Terra!

    Busco a cada dia ser fiel a Deus e a todos os seus mandamentos e principios e ser um membro fiel da IASD central de Florianópolis, portanto se quiserem postar , fiquem a vontade e por favor que o Pr. Ivan a quem eu respeito , aprecio e ouço a seus sermões leia este meu e-mail e que nao haja algum tipo de “filtro” , para que esteja mais alerta a “este e a outros” que parecem ser “pequenos detalhes”, mas que farão diferenças enormes no DIA DO JUIZO FINAL!

    Deus os abençoe

    Dorival



  • Tania Santos em 23 de março de 2014 5:04

    Durante vários anos resisti, mas finalmente escolhi nascer de novo, e hoje completo 1 ano de batismo!
    Creio em Deus, desci as águas, e sigo na busca da Salvação com Cristo Jesus!
    Rogo ao Espírito Santos diariamente que não me deixe desvie dos Seus caminho e que “eu e minha casa possamos servir ao Senhor de todo coração”, em nome de Jesus. Amém!



  • maria de fatima da silva meiraComecei assistir essa semana na tv,e no dia 18-01 o pastor falou e provou na bliblia que nao se deve beber bebida alcolica,gostei de ter essa certeza, em 19 de janeiro de 2014 0:07

    Comecei assistir essa semana na tv,e no dia 18-01 o pastor falou e provou na bliblia que nao se deve beber bebida alcolica,gostei de ter essa certeza,



  • Deyvid Lima em 8 de janeiro de 2014 12:05

    Como vocês me pediram, estou aqui para falar que eu visitei sim a IASD daqui de Franca-SP no último Sábado, e fui muito bem recebido. Eu me senti em casa. Já estou fazendo curso Bíblico, e cada vez mais o meu coração se enche de certezas!! Muito obrigado por servir de canal de bençãos para minha vida, e que Deus possa continuar usando todos vocês!! Deus abençoe!!



    • Instrutor e Conselheiro em 11 de janeiro de 2014 6:59

      Deus seja louvado querido irmão e amigo DEYVID, que alegria sabermos disso, realmente ficamos muito felizes em saber que já iniciou estudos bíblicos, isso faz uma enorme diferença em nossas vidas, tenha certeza que anda disso está acontecendo por acaso, os planos de Deus para sua vida estão apenas no início, nos mande sempre notícias, que Deus ilumine seus caminhos, e que o amor de Jesus seja a motivação da sua comunhão com Ele e a certeza da vitória final, conte sempre conosco, um grande abraço dos amigos do Está Escrito.



  • Deyvid Lima em 29 de dezembro de 2013 17:26

    Eu nasci e fui criado na Assembleia De Deus. Lá fiz um curso de discipulado e me batizei. A doutrina de batismo da Assembleia e da Igreja Adventista sao iguais, ao que me parece. Mas ultimamente eu tenho ouvido a mensagem adventista e estou pensando seriamente em fazer parte desta igreja. Eu tenho certeza que o meu batismo foi genuíno, e eu sei que estava preparado, pois estudei e pensei bastante antes da minha confissão publica de fe. Portanto, nao gostaria de passar por outra cerimônia de batismo, mas o meu coração arde de desejo de me tornar um adventista. A questao do batismo é realmente o último obstáculo para tomar essa decisão. O que eu faço? Eu teria que passar por uma outra cerimônia de batismo para me tornar um legítimo adventista do Sétimo Dia?



    • Instrutor e Conselheiro em 30 de dezembro de 2013 8:07

      Claro que não querido irmão DEYVID, primeiramente queremos expressar a nossa emoção e alegria por saber que deseja fazer parte de nossa igreja, agradecemos muito a Deus por isso.

      Você pode se tornar um adventista sem passar pelas águas irmão, basta fazer uma profissão de fé, o que acha?

      Você está frequentando alguma Igreja Adventista?

      Estaremos aguardando sua opinião, saiba que tem novos amigos com quem poderá contar sempre, que Deus te abençoe muito, um grande abraço da equipe do EE.



      • Deyvid Lima em 1 de janeiro de 2014 12:20

        Muito obrigado pela resposta!! Fico muito feliz de saber disso. Com certeza, já no próximo Sábado visitarei a IASD daqui de Franca-São Paulo. Mais uma vez, agradeço pela atenção. É esta atenção que nos compra, pois ela nos mostra que vocês realmente entenderam o significado do IDE de Jesus Cristo. Deus abençoe!!!



        • Instrutor e Conselheiro em 3 de janeiro de 2014 10:34

          Amém querido irmão e amigo DEYVID, que ótimo sabermos que estará indo na igreja, depois nos diga o que achou, que Deus te dê muita sabedoria para tomar decisões neste ano que sejam conforme a vontade dEle, a volta de Jesus se aproxima cada dia mais, conte sempre conosco, um grande abraço dos amigos do EE.



  • Ronne em 29 de novembro de 2013 15:43

    Fico feliz por ter minha pergunta respondida, agradeço de coração.
    Ao final de sua resposta, você disse que aguardaria minha opinião, então expressarei: Quanto a questão da Trindade, para mim não há dúvidas. A Bíblia é muito clara referente a este assunto, Pai, Filho e Espírito Santo são um; um grande mistério que só vou compreender na eternidade.
    Mas o texto a seguir parece realmente dizer que não foi “só” na autoridade de Jesus que foram batizados, mas também que a fórmula batismal é essa: “Porque sobre nenhum deles havia ele descido ainda; mas somente tinham sido batizados em nome do Senhor Jesus. ” Atos 8:16 (outro texto que me dá essa ideia é Atos 19:25). Fico com essa questão na mente por que em nenhum momento é registrado alguém batizando em nome do Pai, e do Filho e do Espírito Santo. Por isso me pergunto se é errado baatizar ou ser batizado em nome de Jesus.



    • Instrutor e Conselheiro em 1 de dezembro de 2013 7:32

      Que ótimo continuarmos conversando sobre este assunto querido irmão e amigo RONNE, na grande comissão evangélica de Mateus 28:18-20, Cristo ordenou que o Evangelho fosse pregado a “todas as nações”, e que os conversos dessas nações fossem batizados “em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo” (verso 19). No entanto, eventos registrados no livro de Atos falam de conversos que foram batizados “em nome de Jesus Cristo” (At 2:38; 8:16; 10:48; 19:5). Diante disso surge a indagação: Esses batismos “em nome de Jesus” invalidam a ordem de ministrar-se o batismo em nome da Trindade?

      Várias teorias têm sido propostas para explicar essa aparente tensão entre a ordem de Cristo e a prática da igreja apostólica. A mais convincente delas parece ser a de que as referências ao batismo “em nome de Jesus Cristo” não estejam sugerindo uma nova fórmula batismal, mas apenas enfatizando a condição básica para esse rito ser ministrado. Em outras palavras, um judeu étnico ou prosélito, que já cria no verdadeiro Deus, só poderia ser batizado na comunidade cristã se ele cresse também em Jesus de Nazaré como o prometido Messias.

      O mesmo Cristo que declarou, em Mateus 28:19, que o rito do batismo deve ser ministrado “em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo”, também afirmou, em Marcos 16:16, que a submissão a esse rito deve ser precedida pela fé que se centraliza no próprio Cristo (Jo 3:16; Hb 12:2). Por ocasião do Pentecostes, aqueles que, em resposta ao discurso de Pedro, aceitaram a Jesus de Nazaré como o Messias, foram batizados “em nome de Jesus Cristo” (At 2:38) como demonstração pública dessa aceitação.

      Mas é importante notar que mesmo os textos que falam do batismo “em nome de Jesus Cristo” estão impregnados pelo conceito da Trindade. Analisando-se o conteúdo desses textos, percebese, em primeiro lugar, que aqueles que foram então batizados “em nome de Jesus Cristo” eram pessoas que já criam previamente em Deus o Pai. Além disso, em todas essas ocasiões o batismo “em nome de Jesus Cristo” foi acompanhado pelo recebimento prévio, simultâneo ou posterior do “dom do Espírito Santo” (At 2:38; 8:14-17; 10:44-48; 19:1-6).

      Procurando invalidar a fórmula batismal em nome da Trindade, alguns indivíduos alegam que o texto de Mateus 28:19 não aparece no original grego do Novo Testamento. Essa alegação é totalmente infundada, pois não existem quaisquer evidências textuais que a comprovem. Embora hajam discussões significativas a respeito do conteúdo original de Marcos 16:9-20 (ver Bruce M. Metzger, A Textual Commentary on the Greek New Testament, ed. corr. [Londres: United Bible Societies, 1975], pp. 122-128), o mesmo não ocorre com Mateus 28:18-20.

      Cremos, portanto, que a ministração do batismo “em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito” é parte dos ensinos de Cristo que devem ser observados por Sua igreja “até à consumação do século” (Mt 28:20).

      Vamos aguardar seu retorno e opinião, beba hoje da fonte inesgotável que é Jesus, receba Suas bênçãos neste dia, conte sempre conosco, um grande abraço dos amigos do EE.



  • Ronne em 26 de novembro de 2013 15:27

    Boa tarde! Faz algum tempo que tenho uma dúvida bíblica, busquei forma de saná-la mas não consegui, por isso recorro a vocês: Jesus disse, nos evangelhos, que os discípulos deveriam batizar “em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo” (Mateus 28:19), porém há relatos de Pedro batizando “em nome de Jesus” (Atos 8:19; 10:48; 19:5). Minha dúvida é se há diferença em ser batizado em nome de Jesus ou em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Qual a maneira correta, ou as duas estão?



    • Instrutor e Conselheiro em 29 de novembro de 2013 7:49

      Ótima pergunta querido irmão RONNE, Assim como oramos ao Pai, em nome de Jesus e pelo poder do Espírito Santo, o batismo bíblico é “em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo”. O Pai não é o Filho. Se fosse, Jesus não oraria ao Pai. O Pai é uma pessoa da Divindade, e o Filho é outra pessoa da Divindade (cf. Mt 5:16, 48; 10:32; Ap 3:5; At 7:54-56; Mt 11:25; 4:6-10; Ef 1:3, 17; 3:14; Jo 14:16; Mc 13:32; At 7:56; Lc 23:46; Jo 8:42; 16:5; 10:36; 17:8; 4:24; 19:34; Mt 16:17; Lc 24:39; Jo 5:17-35; 20:17; Ap 3:12; Lc 2:7-16; 2:22, 26-33, etc.). O Deus Filho não é o Deus Espírito Santo. Se fosse, Jesus não diria: “Eu rogarei ao Pai, e Ele vos dará outro Ajudador, para que fique convosco para sempre” (Jo 14:16). “Todavia, digo-vos a verdade, convém que Eu vá; pois se Eu não for, o Ajudador não virá a vós; mas, se Eu for, vô-lo enviarei” (Jo 16:7). (Veja também: Jo 5:32; 15:26; Ap 1:4, 5; 3:1; 4:5; 5:6; Is 11:2; 42:1-7; 61:1, 2; At 10:38; 1Jo 5:7; 2Co 13:14; Mt 12:31, 32; Mc 3:29, 30; Lc 12:10; At 8:5-25; Jo 5:19; 7:39; At 2:33, 34). Portanto, são três as pessoas da Trindade.

      Se Deus Pai fosse o Espírito Santo, por que razão Jesus diria: “…em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo”? Eles são citados por serem pessoas diferentes.

      Em 1873, foi descoberto um manuscrito muito antigo, em pergaminho, intitulado Os Ensinos dos Doze Apóstolos ou Didaquê. É um dos manuscritos mais antigos. Contém 240 páginas e pode ser datado entre os anos 70 a 150 d.C. É um livro que não reclama autoridade apostólica, segundo consta nele próprio, mas reúne, em linguagem muito singela e em forma de manual, os ensinos que os apóstolos ministravam. O autor, cujo nome é desconhecido, teria colhido essas informações pessoalmente ou por tradição oral.

      No capítulo 22, diz assim: “Agora, concernente ao batismo, o bispo ou presbítero, como já temos instruído, deve batizar conforme o Senhor ordenou ao dizer: ‘Ide por todo o mundo e ensinai a todas as nações, batizando-as em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo’.” (Obs.: o interessante é que muitos opositores da verdade utilizam esse livro – o Didaquê – , quando lhes convém, para fundamentar suas idéias.

      Então, por que hoje alguns batizam só em nome de Jesus? Costuma-se citar as seguintes passagens:

      Atos 2:38 – “…seja batizado em nome de Jesus Cristo.”
      Atos 8:16 – “…haviam sido batizados em o nome do Senhor Jesus.”
      Atos 10:48 – “…batizados em nome de Jesus Cristo.”
      Atos 19:5 – “…foram batizados em o nome do Senhor Jesus.”

      Dessas quatro passagens realmente não se pode chegar à conclusão de que se deve batizar somente em nome de Jesus. Mesmo que o texto de Mateus 28:19 não existisse, tal interpretação traria muita confusão. Afinal, qual é a forma correta de se batizar? “Em nome de Jesus Cristo”? (At 2:38; 10:48), ou “em nome do Senhor Jesus”? (At 8:16; 19:5).

      A expressão “Em nome de Jesus”, especificamente, não existe em nenhuma passagem. E será que não é importante citar “Cristo” ou o “Senhor”? (ver Ec 3:14). Alguns foram batizados de um jeito. Outros, de forma diferente.

      O historiador Flávio Josefo menciona pelo menos 13 homens chamados “Jesus”, que viviam na época em que Cristo nasceu. Portanto, esse era realmente um nome muito comum. Se fosse verdade que “Jesus” constituísse o nome oficial de Deus, seria uma grande blasfêmia colocar esse nome nos filhos. Os judeus jamais fariam tal coisa.

      A designação completa para o Deus Filho é: O Senhor Jesus Cristo. “Senhor” indica Sua divindade (Ele é Deus); “Jesus” é o nome de Sua humanidade (Ele é Homem); “Cristo” se refere a Sua posição de Messias, o Ungido de Deus.

      Sem dúvida, as quatro passagens referidas acima não tratam da “fórmula” usada pelos apóstolos ao realizar os batismos, mas sim da autoridade com que realizavam os batismos. Naturalmente, essa autoridade é do Senhor Jesus Cristo.

      Jesus foi crucificado como impostor, perturbador da paz e inimigo do povo. A divindade de Jesus não foi aceita pelo povo judeu, por isso os discípulos deixaram claro que o batismo por eles realizado era por ordem de Jesus, e sob Sua autoridade. Portanto, era fundamental para o estabelecimento do cristianismo no mundo que as pessoas aceitassem a Cristo como Filho de Deus.

      Leia com bastante atenção Mateus 7:21-23. O nome de Jesus é muito importante, no entanto, mais importante que o nome é o próprio Jesus. E Jesus disse: “Batizai em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo” (Mt 28:19). Se Jesus disse, quem somos nós para dizer diferente?

      A oração, nós a fazemos “em nome de Jesus”, pois essa foi a ordem: “Se pedirdes alguma coisa em Meu nome, Eu a farei” (Jo 14:14). Só batizaríamos [nós adventistas] “em nome de Jesus”, se em Mateus 28:19 estivesse escrito assim: “Portanto, ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em Meu nome.” Como não está escrito dessa forma, preferimos ficar com o que ordena a Palavra de Deus.

      Estaremos aguardando sua opinião, saiba que tem novos amigos com quem poderá contar sempre, que Deus te abençoe muito, um grande abraço da equipe do EE.



  • Karen em 11 de julho de 2013 11:03

    Bom dia! Acompanho o programa de vocês e quero parabenizá-los pela organização. Só fica uma pergunta: Todos os batismos mostrados na Bíblia foram realizados em água corrente, num rio. Por que a igreja adventista realiza os batismos em um tanque batismal, em água parada e talvez quentinha, e em nome do pai, do filho e do espírito santo? Ninguém foi batizado assim na Bíblia. Todos foram batizados no nome de Jesus.

    Aguardo resposta. Obrigada e tenham um bom dia!

    Karen



    • Instrutor e Conselheiro em 11 de julho de 2013 17:15

      Muito interessante esta questão querida irmã e amiga, veja este vídeo com uma resposta muito boa do Prof. Leandro Quadros, acesse http://www.youtube.com/watch?v=peZYgzmzi8Y
      Depois diga a sua opinião a respeito, conte sempre conosco, que Deus te abençoe muito, parabéns por se aproximar cada dia mais da Palavra do Senhor, um grande abraço dos seus amigos do EE.



  • thyana em 24 de maio de 2013 0:56

    Boa noite.
    Estou prestes a me batizar na igreja adventista do setimo dia. Passei por cursos biblicos creio na doutrina…concordo com toda doutriba adventista.
    Mas agora faltando 2 dias para meu batisto me bateu o medo…. medo de nao ser um batismo verdadeiro, pois nao me sinto preparada, nao guardo o sabado corretamente, eu deixei muitas praticas q Deus nao aprova… mas comi carne de porco mesmo sabendo que era impura.
    Estou me sentindo uma mentirosa…..estou com medo de descer as aguas em vao.
    Por favor me ajudem….estou confusa. Nao quero me batizar com duvidas



    • Administrador em 24 de maio de 2013 6:34

      Que ótimo que está se aproximando o dia do batismo querida irmã, saiba que esta é a maior e melhor decisão que tomamos em nossas vidas e sendo uma decisão tão importante, com certeza nossa vida se transforma. O mais importante irmã é você aceitar todas estas verdades em sua vida, com o tempo perceberá que se tornará mais fácil guardar o sábado e também com relação a outras coisas, lembre sempre que todas as orientações de Deus são o melhor para nossas vidas, você concorda com isso?
      Quanto mais próximos estivermos da Palavra de Deus se torna mais fácil para nós cumprirmos a vontade divina em nossa vida, por isso, gostaríamos de te convidar a estudar a Palavra do Senhor conosco por e-mail, assim poderíamos estudar e conversar sobre as vontades de Deus para sua vida, o que acha, você aceitaria?
      O maior plano de Deus para sua vida é o batismo, pois assim, seu nome estará sendo escrito no livro da vida, haverá uma enorme festa no céu querida irmã, porque você é muito valiosa para Deus e depois do batismo, mesmo que erre em sua vida , Deus estará te dizendo:

      “Porque Eu, o Senhor teu Deus, te tomo pela tua mão direita, e te digo Thyana: Não temas, que Eu te ajudo.” Isaías 41:13
      Estaremos aguardando seu retorno, conte sempre conosco, que Deus abençoe muito a sua vida, este sábado será muito especial para você e principalmente para Deus, porque Ele te ama muito irmã, um grande abraço da equipe do EE.



      • thyana em 24 de maio de 2013 10:59

        Muito obrigada pela resposta. Me sinto melhor agora.
        Aceito fazer estudo biblico por mail.
        Conheci a igreja pela novo tempo e a principio pelo esta escrito adoraçao, e depois participei da caravana da esperança aqui na minha cidade, e muitas vezes nos momentos de afliçao procurei voces e todas as vezes me responderao.
        Tenho 22 e sou casada e mae, meu marido concorda com a igreja mas nao frequenta, entao muitas vezes acabo fugindo das ordens de Deus para acompanha lo em algumas escolhas mesmo q seja no sabado … ou ate mesmo comendo um alimento impuro.
        E por isso me sentia mentindo para mim mesma.
        Mas em oraçao tomei minha decisao de obedecer pois entendo q Reino dos ceus é eterno, ja a minha vida aqui nesta terra é passageira.
        Agredeço novamente de todo meu coraçao. E aceito fazer o curso biblico
        Que Deus abençoe ainda mais esse trabalho lindo de voces, para que muitas pessoas aceitem a verdade.
        Um abraço



        • Administrador em 25 de maio de 2013 18:09

          Agradecemos muito a Deus e a você, querida irmã e amiga, por esta maravilhosa oportunidade, enviamos em seu e-mail o primeiro estudo, assim que concluir nos envie as respostas para que possamos te enviar o segundo estudo, mais uma vez, parabéns pela linda decisão de se aproximar das vontades de Deus, Ele te ama muito, um grande abraço da equipe do EE.



  • Lorena em 15 de maio de 2013 11:45

    Olá gostaria que me esclarececem o significado do batismo, o que é o batismo, para que serve?
    Em minha igreja Adventista estão batizando crianças com 7 anos e 1 mês, e eu gostaria de entender isso…



    • Administrador em 16 de maio de 2013 10:39

      Olá querida irmã, ficamos muito felizes em poder conversar contigo sobre este assunto que é tão importante. Nas Escrituras encontramos referências à circuncisão de crianças (Gênesis 17:12; Levítico 12:3; Lucas 2:21; confrontar com Gálatas 5:6; 6:15), à apresentação de crianças em tenra idade ao Senhor (Levítico 12:6-8; Lucas 2:22-24), bem como ao fato de Cristo haver abençoado algumas crianças durante o Seu ministério (Marcos 10:13-16); mas em nenhum lugar aparece, ao longo do texto Sagrado, qualquer alusão ao batismo de crianças. Foi somente após a Era Apostólica que tanto o batismo infantil quanto o batismo por aspersão acabaram sendo incorporados ao cristianismo.
      Várias evidências bíblicas mostram que durante a Era Apostólica o batismo era ministrado por imersão. Por exemplo, se o rito não fosse praticado dessa forma, que necessidade haveria de João Batista oficializá-lo onde havia “muitas águas” (João 3:23)? Como Jesus poderia ter “saído da água” (Mateus 3:16; Marcos 1:10), após ser batizado, se Ele não houvesse entrado? E que razão haveria para Felipe entrar com o eunuco na água, a fim de batizá-lo (Atos 8:36-39)? Além disso, a própria expressão de Paulo “sepultados com Ele [Cristo] no batismo” (Romanos 6:4) só tem significado se o batismo for por imersão.
      Já a ministração do batismo apenas às pessoas que tenham condições de entender o significado desse rito baseia-se (1) no fato de Cristo ter dado o exemplo, batizando-se como adulto (ver Lucas 3:21-23); (2) na ordem de Cristo de que só deveriam ser batizados aqueles que previamente exercessem fé (ver Marcos 16:16); (3) no ensino apostólico de que, antes de ser batizada, a pessoa deve se arrepender e crer no Evangelho (ver Atos 2:38; 8:36,37; 16:30-33); e (4) no fato de não encontrarmos qualquer texto nas Escrituras que fale a respeito do batismo de crianças. Diante disso, somos levados à conclusão de que o batismo infantil por aspersão é uma prática baseada na tradição pós-apostólica, não sancionada pelas Escrituras.
      O importante é o Pr conversar com as crianças que serão batizadas para serem avaliadas se estão tendo o conhecimento sobre estas questões.
      Aguardaremos seu retorno, continue firme no caminho do Senhor, Ele te ama muito, conte sempre conosco, um grande abraço da equipe do EE.



      • Lorena em 16 de maio de 2013 11:09

        entendi sua resposta, mas novamente me vem a duvida qual a necessidade de batizar crianças?
        Jesus só foi batizado aos 30 anos, e fraquentava a igreja desde que nasceu, qual a necessidade disso ser tão cedo?
        Eu me batizei com 12 anos, hoje tenho 27 e permaneço na igreja, mas olho pra rás e vejo que eu ñ deveria ter me batizado com essa idade pois pouco sabia…
        uma de Minhas questões é, o erro da igreja católica é batizar por aspersão? ou batizar crianças que nada sabem?
        Tenho visto isso em minha igreja ( o batismo de crianças) com o intuito de atingir metas de batismo….
        o que me deixa mais triste… Me disseram que estão batizando crianças para que participem das atividades da igreja, não entendi essa resposta, pois as crianças cantam na igreja, oram, fazem varias coisas na frente da igreja, o único ritual que não participam é do Lava pés e santa ceia, e agora podem participar… elas entendem o significado?
        Com 7 anos elas precisam mesmo participar desse ritual para serem membros da igreja?



        • Administrador em 18 de maio de 2013 16:28

          Você tem razão querida irmã e amiga, precisamos ter muita cautela nesta questão e cada caso deve ser analisado pelo Pr distrital para ver se há a possibilidade ou não de se batizar.
          O batismo é algo muito importante, não há necessidade de termos pressa para isso, é um processo natural não é mesmo?
          Você já conversou com o Pr sobre isso?
          Aguardaremos seu retorno, que Deus ilumine muito a sua vida, um grande abraço da equipe do EE.



  • Igreja Católica a cerca do Batismo? em 1 de abril de 2013 21:33

    No principio a igreja católica, não realizava o Batismo dessa foma por aspersão. Era feito da forma correta por imersão, e seguia a idade do conhecimento, em aceitar Jesus em sua procissão de FÉ, em aceitar JESUS como seu único e suficiente SALVADOR. Mas ai surgiu um revolucionário, conhecido como Martinho Lutero. E a igreja foi dividia pela segunda vez, tendo em vista que hoje como antiga, milenar, são (3) três igrejas do mundo CRISTÃO, a IGREJA PRIMITIVA que é a 1, depois se dividiu em CATÓLICA APOSTÓLICA ROMANA e em CATÓLICA APOSTÓLICA ORTODOXA…que não tem como em VERDADE afirmar qual é a mais antiga!…Em seguida veio as RAMIFICAÇÕES, que são as igrejas PROTESTANTES. E esse 1 protestante, LUTERO, consegui dividir a igreja Católica, com sua doutrina e forma de pensar, por ter conhecido o mundo podre da igreja e a falta de preparo do Clero em evangelizar E sendo assim, passou a revelar o EVANGELHO…VERDADES que a igreja Católica escondia e manipulava…Em fim o Batismo, como disse no começo que a igreja Católica não realizava o Batismo de criança…Isso aconteceu mediante uma das contra reformas da igreja Católica, em pegar as crianças no berço e Batizar na fé Católica, porque ela acreditava que fazendo isso estaria prendendo as pessoas na FÉ católica porque passou a perder muitos fieis com o protestantismo. A igreja católica errou? Ao meu ver sim! Ela não tinha esse direito de fazer o que fez…



  • Milton Gusmatti em 4 de fevereiro de 2013 20:12

    O batismo é testemunho publico que aceitamos a Jesus como unico caminho e assumimos um compromisso com Ele publicamente então porque a Igreja Adventista não aceita o batismo realizado em outra denominação isto quer dizer que só na Adventista e verdadeiro, quando fui batizado fiz com toda a certeza do meu coração e fui transformado mas se for para a Igreja adventista não gostaria de ser batizano novamente porque tenho certeza que fiz por amor a Jesus e não a igreja.E isto esta deixando até am



    • Administrador em 27 de março de 2013 17:06

      Olá querido irmão, nos perdoe pela demora na resposta.
      Saiba que será uma alegria enorme para todos nós sabermos que você poderá ser membro da nossa igreja. Não existe nenhuma obrigatoriedade para o novo batismo se a pessoa já foi batizada por imersão (mergulhada nas águas). É um assunto muito pessoal de cada crente. Ela pode optar pela Profissão de Fé se quiser congregar em outra igreja.
      Na Igreja Adventista fazemos desta forma, é feita esta cerimônia pois realmente é uma alegria enorme quando recebemos um irmão ou irmã que frequentará a igreja conosco.
      Estaremos aguardando seu retorno e opinião sobre o assunto, conte sempre conosco, você é muito especial para Deus e também para nós, um grande abraço da equipe do EE.



  • FATIMA R.N.PEDO em 19 de janeiro de 2013 14:42

    oi nao perco um progama de vcs sou catolica mas fiz curso biblico com adventista tudo que sei aprendi com vcs assisto muito aos progamas da novo tempo e aprendo cada vez mais abriu muito minha mente para a biblia e o mundo esta me trasformando cada vez mais e o batismo esta mexendo muito comigo que deus os ilumine sempre



  • Alexandre dos santos de oliveira em 28 de dezembro de 2012 15:49

    porque os dicipulos batizavam e m nome de jesus como em atos 2;38 atos 8;16 contrariando mateus 28;19



  • Cesar Augusto em 28 de dezembro de 2012 10:31

    Quero agradecer a Deus pela programação da Novo Tempo , porque ela vem fazendo muita diferança na minha vida e de minha família.. Glorias a Deus e vai aki um grande abraço Pr. Ivan Saraiva.



  • Frankmar Da Silva Corrêa em 25 de abril de 2012 1:28

    Sobre o Batismo.
    O idioma grego possui palavras específicas para “aspergir” e “derramar”, mas elas nunca são usadas em relação ao batismo no Novo Testamento.
    A palavra grega para batismo – “baptizo” – significa mergulhar, afundar e nunca “aspergir.
    Os Cristãos sabiam que a palavra “rantizo” significava aspergir e os Cristãos do Seculo I Não usaram a Palavra Grega Rantizo.
    Se Deus tivesse a vontade que seus Servos Cristãos praticassem a aspersão, então a palavra “rantizo” seria usada no lugar de “baptizo.”
    Isso prova que a Maneira certa de Batismo original era só por Mergulho.com certeza o Batismo feito pela Igreja de Jesus no Seculo I era por Imersão em água em nome da Trindade.



    • Ailto Santana em 26 de abril de 2012 10:01

      Olá FRANKMAR! Muito agradecido por sua colaboração, seu comentário foi muito oportuno e veio contribuir como o esclarecimento do tema “O Verdadeiro Batismo”- Que DEUS continue derramando sobre você o seu SANTO ESPÍRITO capacitando-lhe ainda mais para Ensinar as Sagradas Escrituras, um forte abraço e fique com DEUS!



  • Renato em 30 de março de 2012 10:56

    Grande Ailto Santana. Obrigado por esclarecer minhas duvidas =)



  • Renata Carvalho em 26 de março de 2012 14:42

    Dou Graças a Deus pelo programa, tem sido benção na minha vida! Ainda não me decidi mas sinto Deus falando comigo através do Pastor Ivan Saraiva, tem sido emocionante. Estou muito feliz com isso!



  • Renato em 23 de março de 2012 12:21

    Bom dia Pastor. Se alguem passar a vida toda sendo uma pessoa correta e nao ser batizado ela pode ser salva ? E se alguem for batizado sem conhecer toda a verdade ? o batismo e valido ?! As criancas que morrer sem ser batisados serao salvas tbm ? e aquele que por aguma enfermidade nao pode ser mergulhado ? o bastismo e apenas um simbolismo ? pode ser realizado mais de uma vez ? Obrigado. Otima pegacao. Abraco



    • Ailto Santana em 23 de março de 2012 13:12

      Olá RENATO! Obrigado pelo seu contato e pela oportunidade de esclarecermos díúvidas que talvez outros internautas também possam ter. Bem, o Batismo é um testemunho público de que assumimos um compromisso com o SENHOR JESUS. Quanto a salvação é prerrogativa de DEUS, só DEUS tem como saber os reais motivos que levam uma pessoa a não tomar uma decisão pelo batismo. JESUS disse em Marcos 16:16 diz: “Quem crer e for batizado será salvo…”, portanto, nenhuma pessoa deveria ser batizada antes de receber uma série completa de estudos bíblicos, isso para que a pessoa saiba o que ela está aceitando, e quais as implicações que estão envolvidas após o batismo. Na Igreja Adventista o batismo é precedido de estudos bíblicos, visitas ao candidato ao batismo e o preenchimento de uma ficha cadastral que será examinada pela comissão da igreja, que indicará o nome para o batismo. Quanto ao batismo de crianças, lembrando ainda as palavras de JESUS em Marcos 10:14 “…deixai vir a mim os pequeninos porque dos tais é o reino dos céus”; uma criança ela não sabe o que é pecado, portanto não precisa de batismo. O Batismo não é opcional, ele é condicional e essencial para o cristão (João 3:3 e 5) – A Bíblia reconhece o batismo por imersão (corpo totalmente mergulhado nas água\) como a forma correta de batismo. Quanto ao seu ultimo questionamento: Quando uma pessoa abandona a igreja e volta a prática de sua vida de pecado, ou seja quando ela é desligada da comunhão dos crentes, se faz necessário um nosso batismo, um outro caso é quando a pessoa foi batizada em uma igreja em que ela não tinha plena compreensão e prática da verdade (nesse caso a pessoa também pode pedir o rebatismo). Espero ter sido claro, atenciosamente;