doe agora TV TV
INÉDITO:
  • TER-QUI22:00
REPRISES:
  • DOM10:30
  • QUA03:30
  • QUI00:30
  • SEX09:30
  • SAB09:00
  • SAB20:00

Comente



  • Gustavo em 6 de outubro de 2015 13:08

    Pastor por que preciso guardar o sábado se nenhuma carne sera justificada diante de DEUS pelas obras da lei seja qual for ela? Em Atos não diz que apenas nos apartemos dessas coisas essenciais, da imundícia, da prostituição, das carnes sacrificas a ídolos e da sufocada.
    Gostaria que me explicasse um pouco mais a respeito.



    • Ailto Santana em 8 de outubro de 2015 10:16

      Olá Gustavo! AMADO A LEI NÃO SALVA. QUEM SALVA É CRISTO. A LEI APENAS REVELA O QUÃO DISTANTES ESTAMOS EM NOSSA VIDA DE PECADO (QUE É A TRANSGRESSÃO DA LEI) O PRÓPRIO PAULO DISSE: Que diremos pois? É a lei pecado? De modo nenhum. Mas eu não conheci o pecado senão pela lei; porque eu não conheceria a concupiscência, se a lei não dissesse: Não cobiçarás. Romanos 7:7 MAS VAMOS VER A QUESTÃO MENCIONADA PELO IRMÃO EM ATOS. Atos 15: 6 “Congregaram-se pois os apóstolos e os anciãos para considerar este assunto.”
      QUAL ASSUNTO? – Aquele pertinente a Lei Cerimonial que fazia parte a Lei da Circuncisão conforme Levítico 12:3 “No oitavo dia circuncidará ao menino a carne do seu prepúcio” que estava incomodando os crentes de Antioquia. Observe: O Sábado era ponto em comum entre eles. Não havia nenhuma divergência a respeito dele como dia de guarda.
      Portanto, reuniu-se em assembléia geral a Comissão da igreja, encabeçada pelos apóstolos que Cristo e inclusive o irmão do próprio SENHOR Jesus Cristo, líder da igreja chamado Tiago (Atos 15:13) que fez o seguinte e esclarecedor comentário
      Atos 15:19 e 20
      “Pelo que, julgo eu, não devemos perturbar aqueles que , dentre os gentios, se convertem a Deus, mas escrever-lhes que se abstenham das CONTAMINAÇÕES dos ídolos, bem como das relações sexuais ilícitas, da carne de animais suficados e do sangue. Porque Moisés tem. Em cada cidade desde os tempos antigos, os que o pregam nas sinagogas, onde é lido todos os sábados”

      PERGUNTO: QUE LEI ERA ESSA QUE FOI IMPOSTA AOS NÃO JUDEUS? LEI DOS 10 MANDAMENTOS TAMBÉM CONHECIDA COMO LEI MORAL?
      (conforme Êxodo 20: 3 a 17 e repetida em Deuteronômio 5:7 a 21)
      Vamos ver a resposta na Bíblia?
      “CONTAMINAÇÕES” essa palavra faz toda a diferença, veja o que está escrito em Êxodo 34:14 a16
      Verso 14 “(porque não adorarás outro deus, pois o nome do SENHOR é Zeloso; sim Deus Zeloso é ele) Está entre parênteses porque foi extraído do mandamento do segundo mandamento veja Êxodo 20:5.
      Verso 15 “para que não faças aliança com os moradores da terra; não suceda que, em se prostituindo eles com os deuses e lhe sacrificando, alguém te convide, e comas dos seus sacrifícios”
      Verso 16 “e tomes mulheres das suas filhas para teus filhos, e suas filhas, prostituindo-se com seus deuses…”
      Observe que o detalhe era a lei moral também, mas tem um outro DETALHE muito importante veja: “relações ilícitas” e “animais sufocados e do sangue”
      Qualquer judeu sabia que relações ilícitas era uma expressão que se referia a Levítico 18 (relações ilícitas dos versos 1 ao 18 e uniões abomináveis dos versos 19 a 30)
      Mas e sobre o sangue? Era da lei Moral? É claro que não! Era da lei Cerimonial? Também é claro que não!
      Era das Leis de Saúde conforme Levítico 17:10 a 14
      Pergunta: Se essa Lei foi dada aos judeus e os judeus passaram para os gentios, nós também não estamos mais sujeitos a ela? Pense nisso amado!
      IMPORTANTE!
      Depois de uma demorada reunião a respeito de assunto tão sério e necessário a igreja, a decisão não enfocou nada que falasse a respeito do domingo como o dia que tomou o lugar do Sábado.
      Pela lógica do raciocínio correto e do bom senso, conclui-se que, se este ponto não foi focado, é porque não merecia ao menos consideração. Porém, uma coisa é certa: O Sábado era o dia de guarda, para todos, apóstolos, judeus e conversos gentios. Isso é incontestável, ouça o que diz o contexto OBSERVE:
      Atos 15: 21
      “Porque Moisés, desde os tempos antigos, tem em cada cidade quem o pregue, e cada Sábado é lido nas Sinagogas.”
      Portanto, não apenas em Jerusalém, a sede do cristianismo, mas em todas as cidades da Ásia por onde Paulo passou pregando o evangelho, todos observavam o Sábado, conforme o relato da Bíblia. O mais contundente é que foi o próprio apóstolo Paulo o portador destas novas para aqueles dissidentes. Tudo voltou à calma, o cristianismo venceu e o Sábado continuou santo e separado como sempre. GLÓRIA A DEUS!