Agetran fecha pista para início de obra na rotatória da Joaquim Murtinho

É preciso atenção e paciência a partir de hoje na região da Escola Estadual Hércules Maymone. As obras começaram nesta quinta-feira (7) na rotatória que liga a Avenida Eduardo Elias Zahran a Rua Joaquim Murtinho, em Campo Grande. No local serão instalados semáforos e a intervenção deve durar 5 meses.

Para controlar o fluxo de veículos no local, duas equipes da Agetran estão no trecho. Antes mesmo da interdição, a fila de carros já se formava na Zahran para motoristas que tentavam ter acesso à Avenida Ceará.

Rotas – A Agetran orienta que os motoristas evitem passar pelo trecho durante as obras e procurem rotas alternativas para acesso aos bairros e centro.

De acordo com Guarinini, quem vai da Ceará para a Zahran, a rota alternativa é pegar a Avenida Ricardo Brandão, entrar na Rua Nova Era, Cayová e sair na Zahran novamente.

Quem vai do bairro para o centro, a sugestão é pegar a Joaquim Murtinho, depois Rua Helena Antipoff e São Vicente de Paula, caindo na Joaquim Murtinho de novo.

Conforme o gerente de fiscalização, os motoristas devem ter paciência durante as obras. ”É necessária e vai melhorar o trânsito no local, trazer melhorias para a região”, disse Guarinini.

Obra – Via licitação, a prefeitura contratou a Construtora Rial Ltda para execução das obras, ao custo de R$ 819,9 mil. Conforme edital, a empreiteira tem 90 dias – contados a partir da assinatura da primeira ordem de serviço – para terminar os serviços.

O projeto no dispositivo na Avenida Zahran é semelhante ao adotado nas rotatórias das Avenidas Mato Grosso/Nelly Martins e Interlagos/Gury Marques, que também ganharam sinalização semafórica.

Fonte: Campo Grande News

Comente