Ouça agora:

Chega Mais Perto
Rádio Rádio
Categoria: Tempo de Refletir

Visão distorcida


 

“Acautelai-vos por vós mesmos, para que nunca vos suceda que o vosso coração fique sobrecarregado com as consequências da orgia [glutonaria, ARC], da embriaguez e das preocupações deste mundo, e para que aquele dia não venha sobre vós repentinamente, como um laço” (Lucas 21:34);  “Porque Demas, tendo amado o presente século, me abandonou” (II Timóteo 4:10.

Trata-se de uma doença que geralmente aparece com a idade. O problema gira em torno do embaçamento do cristalino do olho. Quando as estruturas oculares se tornam opacas, o resultado é cegueira parcial ou total. Essa é uma doença comum conhecida como catarata. Embora saibamos que catarata é uma doença física, há no mundo espiritual uma dinâmica paralela que também embaça nossa visão e nos leva à cegueira progressiva. A visão espiritual distorcida tem muitas causas. Uma delas é a arrogância ou amor-próprio. As pessoas que não possuem uma visão equilibrada nem correta do próprio eu são incapazes de autocrítica. E os incapazes de autocrítica também são incapazes de auto-aperfeiçoamento. Tampouco essas pessoas conseguem ver os outros como realmente são. Assim sendo, a luz em que vivem se torna trevas.

O preconceito também distorce nossa visão espiritual. Nada destrói mais eficazmente nossa capacidade de julgamento do que o preconceito. Ele impede a formação de juízos claros e lógicos. Cega-nos para os fatos e o significado dos fatos. Assim, nossa luz se torna trevas. Um terceiro fator de distorção é o ciúme. A pessoa ciumenta per- de a capacidade de pesar friamente os fatos. Os ciumentos são incapazes de fazer avaliações corretas porque sua visão está enfraquecida. Veem muitas vezes vermelho onde deviam ver branco. Vivem numa luz desbotada.

E os cuidados deste mundo, conforme vimos em nossa leitura bíblica de hoje, também transformam nossa luz em trevas. Assim aconteceu com Demas, um homem que fizera parte da equipe evangelística de Paulo. Ele começou a amar as coisas erradas; perdeu a visão e finalmente a própria fé.

O Grande Médico convida a todos quantos sofrem de catarata espiritual a dirigirem-se a Ele para uma cirurgia corretiva.

Comente