Ouça agora:

Primeira Classe
Rádio Rádio
Categoria: Tempo de Refletir

Ver com os olhos de Deus


“Bem-aventurados, porém, os vossos olhos, porque veem; e os vossos ouvidos, porque ouvem  (Mateus 13:16).

Repetidas vezes o Novo Testamento nos conclama a olhar para as pessoas com os olhos de Deus. Somos convidados a ver as pessoas de uma nova maneira. O apóstolo Paulo afirma isto em II Coríntios 5. Ele escreve sobre Jesus morrendo por todo o mundo, tendo em vista a salvação de cada um dos seres humanos (versos 14 e 15). Ele escreve sobre a diferença que faz o sacrifício, como devemos olhar para as pessoas através do amor de Cristo.

Sob essa ótica, passamos a olhar para elas como pessoas por quem Cristo morreu. Você sabe o que isto significa? Significa que essas pessoas têm um valor infinito. Olhar para as pessoas com os olhos da graça. É isso que importa. É isso que faz a diferença neste mundo. Não ficamos fascinados com a embalagem. Olhamos o que existe no interior. Focalizamos aquilo em que as pessoas se tornam.

Isto faria diferença no trabalho. Há pessoas no seu local de trabalho que têm tanto para dar, mas que são deixadas em seu canto só por causa da aparência. Faria diferença no casamento. Precisamos ser valorizados por aqueles que estão perto de nós, e precisamos ser valorizados principalmente pelo que há em nosso interior.

E faria uma diferença enorme para os filhos. Eles precisam crescer sabendo que são valorizados pelo que existe em seu interior, por seu potencial, por seu caráter. Há muitas coisas no mundo dos adolescentes que falam exatamente o oposto. Eles são classificados pela aparência e pelo desempenho. Querem muito ser aceitos, ser populares. Mas a popularidade é tantas vezes determinada por coisas superficiais e exteriores.

Para Deus, o caráter é o que conta. Deus olha para a pureza dos nossos motivos. Ele olha para a sinceridade do nosso coração. Ele olha para a sinceridade de propósito em nossa vida. Quando olharmos com os olhos de Deus, também veremos muito além da superfície. Veremos não meramente o que as pessoas fazem, mas olharemos para a pureza do seu propósito. Veremos o valor de cada indivíduo. Teremos mais consideração para com os que estão próximos de nós. Afinal, eles foram criados à imagem de Deus e remidos pelo Seu sangue.

Comente