Ouça agora:

Direto da Redação
Rádio Rádio
Categoria: Tempo de Refletir

Se me amais…


João 14:15: “Se Me amais, guardareis os Meus mandamentos”.

Durante muito, muito tempo, nós, os cristãos, temos apanhado levianamente o versículo bíblico de hoje e o citado fora do contexto, aplicando-o aos Dez Mandamentos em nossos estudos bíblicos e sermões evangelísticos. Ora, eu sei que Jesus, como o “EU SOU”, foi quem deu os mandamentos a Moisés no Sinai, e que a expressão “Meus mandamentos” possivelmente se refira ao Decálogo.

Mas não é isso o que encontramos no contexto de João 14:15. Encontramos algo mais profundo, algo mais básico. Antes de dar uma definição exata do que significa “Meus mandamentos”, é preciso fazer um cuidadoso estudo dos capítulos 13 a 15 de João. Tomemos alguns minutos para olhar o contexto.

Uma primeira sugestão do que Jesus queria dizer, encontra-se em João 13:34 e 35: “Novo mandamento vos dou: que vos ameis uns aos outros; assim como Eu vos amei, que também vos ameis uns aos outros. Nisto conhecerão todos que sois Meus discípulos: se tiverdes amor uns aos outros.” Outra passagem contextual bastante útil em nossa busca de uma definição é João 15:12-14: “O Meu mandamento é este: que vos ameis uns aos outros, assim como Eu vos amei. Ninguém tem maior amor do que este: de dar alguém a própria vida em favor dos seus amigos. Vós sois Meus amigos, se fazeis o que Eu vos mando.” E o que Jesus nos ordena? A resposta se encontra no versículo 17: “Isto vos mando: que vos ameis uns aos outros.”

Portanto, o Evangelho de João está em harmonia com Jesus no Sermão do Monte, quando Ele falou sobre ser como Deus e ser perfeito como o Pai. O Evangelho de João também está em harmonia com as bem-aventuranças, que nos mandam ser misericordiosos e pacificadores.

Fazer a vontade do Pai é ser como Jesus; é amar como o Pai ama. A observância dos Dez Mandamentos acha-se incluída nessa ordem formal, mas apenas como o subproduto de um coração imbuído de amor a Deus e ao próximo. Alguém pode guardar a letra dos Dez Man- damentos sem estar amando, mas é impossível uma pessoa estar amando sem guardar o Decálogo, conforme ele ou ela o entende.

Amigo ouvinte, Jesus quer que realmente façamos a vontade do Pai.

Faça a vontade do Pai, hoje, e ore comigo agora:

Senhor, por favor, toma conta de minha vida, toma conta de todas as coisas. Me ajude a te amar acima de qualquer coisa, a fazer a Tua vontade e a amar o meu próximo como eu amo a mim mesmo. Por favor. Em nome de Jesus, amém!

Comente