Ouça agora:

Palavra Viva
Rádio Rádio
Categoria: Lições da Bíblia

Leis e regulamentos judaicos


3. Se o tempo permitir, folheie o livro de Levítico (veja, por exemplo, os capí- tulos 12, 16 e 23). Quais pensamentos vêm à sua mente ao ler essas regras, regulamentos e rituais? Por que muitos deles seriam quase impossíveis de seguir nos tempos do Novo Testamento?

É conveniente classificar as leis do Antigo Testamento em várias categorias: (1) lei moral, (2) leis cerimoniais, (3) leis civis, (4) estatutos e juízos e (5) leis de saúde. Essa classificação é, em parte, artificial. Na realidade, algumas dessas categorias estão inter-relacionadas e há uma considerável coincidência entre elas. Os antigos não as consideravam separadas nem distintas. A lei moral é resumida pelos Dez Mandamentos (Êx 20:1-17). Ela é uma síntese dos requisitos morais da humanidade. Esses dez preceitos são exemplificados e aplicados em vários estatutos e juízos nos primeiros cinco livros da Bíblia. Esses exemplos mostram o que significava guardar a lei de Deus em diversas situações. As leis civis estão relacionadas à lei moral, pois também são fundamentadas nela. Elas definem a relação do cidadão com as autoridades civis e com outros cidadãos. Indicam as penalidades para diversas infrações. As leis cerimoniais regulamentavam o ritual do santuário, descrevendo as vá- rias ofertas e responsabilidades de cada cidadão. Os dias de festa são especificados e sua observância, definida. As leis de saúde se sobrepõem às outras leis. As diversas leis relacionadas à impureza definem a impureza cerimonial, mas ainda vão além disso, incluindo princí- pios de higiene e saúde. As leis sobre carnes puras e impuras estão fundamentadas em considerações físicas. Embora os judeus provavelmente pensassem, de modo geral, em todas essas leis como um único pacote, pelo fato de que todas vieram de Deus, eles devem ter feito certas distinções mentalmente. Os Dez Mandamentos haviam sido pronunciados por Deus diretamente ao povo. Isso os colocava à parte, tornando-os especialmente importantes. As outras leis tinham sido transmitidas por meio de Moisés. O ritual do santuário só poderia ser cumprido enquanto houvesse um santuário em funcionamento. As leis civis, pelo menos em grande parte, não podiam mais ser impostas depois que os judeus perderam sua independência e passaram a estar sob o domínio civil de outra nação. Muitos preceitos cerimoniais já não podiam ser observados depois da destruição do templo. Além disso, depois que o Messias veio, muitos tipos tinham encontrado seus antítipos, e não tinham mais validade.

Comente