Ouça agora:

Todos à Mesa
Rádio Rádio
Categoria: Reavivados pela Palavra

Josué 23


E aí, meu amigo ouvinte, você já fez a sua leitura bíblica de hoje? Hoje é Josué capítulo vinte e três, onde você tem aí Josué exortando o povo a observar a Lei do Senhor. Sabe meu irmão, a lei de Deus, é uma transcrição do Seu caráter eterno, que é justiça e misericordiosa. Logo, a partir do povo da Israel, a Lei seria o escrito mais importante que a humanidade iria ler. Certa vez, um noivo estava muito pensativo, por querer impressionar sua noiva, na hora do casamento, com a demonstração do quanto a amava.

 

Então teve uma ideia: comprou uma linda placa de metal onde mandou gravar a sua declaração de amor. E na hora da cerimônia de casamento, ao dar a placa para sua amada ele falou que havia cravado a declaração de amor no metal para ser uma escrita que fosse apagada, por querer que o amor entre eles fosse assim: um amor que jamais se apagasse. Penso que aquele noivo copiou de Deus.

 

Deus esculpiu o decálogo em tábuas de Pedra porque ele nunca deveria ser esquecido: evidência da validade eterna da Lei de Deus. O próprio bispo de Hipona, Agostinho, que foi considerado o doutor da graça, reconhecia que a Lei é eterna. A Lei de Deus é a escrita mais importante das Escrituras porque é a única parte da Bíblia que foi o próprio Deus quem escreveu, a punho próprio. Leia Josué 23.

Comente


Fique conectado

Aplicativo

Loja Virtual

Participe