Ouça agora:

Madrugada NT
Rádio Rádio
Categoria: Tempo de Refletir

Inculpáveis


“Mas agora Ele os reconciliou pelo corpo físico de Cristo, mediante a morte, para apresenta-los diante dEle santos, inculpáveis e livres de qualquer acusação” (Colossenses 1:22).

A cruz fez o que cordeiros sacrificados não puderam fazer. Apagou nossos pecados, não por um ano, mas por toda a eternidade. A cruz fez o que o homem não pôde fazer. Concedeu-nos o direito de conversar com Deus, amá-Lo e até mesmo viver com Ele.

Não importa a quantos cultos de adoração você comparece ou as boas obras que faz: sua bondade é insuficiente. Você não consegue ser bom o suficiente para merecer perdão. Ninguém consegue.

Por isso há culpa no mundo,

Por isso precisamos de um Salvador.

Você não consegue me perdoar pelos meus pecados e eu não consigo perdoar você pelos seus. Duas crianças numa poça de lama não conseguem limpar uma à outra. Precisam de alguém limpo.

Também precisamos.

Portanto, desista das tentativas de aplacar a própria culpa. Não há como. Não é com uma garrafa de uísque ou com assiduidade impecável aos cultos. Sinto muito. Não me interessa as proporções de sua maldade. Você não consegue ser suficientemente mau a ponto de esquecer a culpa. E não me interessa a dimensão de sua bondade. Você não consegue ser suficientemente bom para superá-la.

Você precisa do Salvador. Você precisa de Jesus!

Ore comigo: “Querido Pai, obrigado porque Teu perdão não depende de minha bondade nem de minha religiosidade, pois jamais seria capaz de merecê-lo. Obrigado porque ele é fruto de Tua graça transbordante. Em nome de Jesus, amém!”

Comente