Ouça agora:

Música
Rádio Rádio
Categoria: Tempo de Refletir

Descanse em Cristo


“Venham comigo para um lugar deserto e descansem um pouco” (Marcos 6:31).

Futilidade, fracasso, finitude. Os três Fs marcados no diploma dos seres humanos. Os três fardos que são grandes demais para qualquer ombro, pesados demais para qualquer bíceps. Três fardos que ninguém pode carregar sozinho.

Qual é o resultado? Uma pessoa se arrastando pela vida, encurvada sob o peso do passado. Não sei se você notou, mas é difícil ser atencioso quando se está carregando os próprios fardos. É difícil ser positivo quando se está sedento de afirmação. É difícil ser perdoador quando se sente culpado.

Paulo tinha uma interessante observação sobre como tratamos as pessoas. Ele disse isto em relação ao casamento, mas o princípio se aplica a qualquer relação: “Quem ama sua mulher, ama a si mesmo” (Ef 5:28). Existe uma correspondência entre como você se sente em relação a si mesmo e como se sente em relação aos outros.

O oposto também é verdadeiro. Se você não gosta de si mesmo – se tem vergonha, sente remorso ou está com raiva -, as pessoas saberão. A tragédia é que tendemos a jogar pedras naqueles a quem amamos, a não ser que o clico seja interrompido. O que nos leva a perguntar: “Como uma pessoa alcança alívio?”

A resposta é uma só: Cristo.

Ore comigo, agora: “Pai, os fardos estão muito pesados e, por isso, estou sendo afetado de diferentes maneiras. Meu relacionamento comigo e com o meu próximo está cheio de rachaduras, causado pelo peso desses fardos. Preciso de alívio. Alivia minha carga, Senhor. Amém!”

Comente