Ouça agora:

Primeira Classe
Rádio Rádio
Categoria: Tempo de Refletir

Concedendo o perdão


-Não ores por uma vida fácil, ore para ser forte-Não ores por tarefas equivalentes à tua capacidade, ore por forças equivalentes às tuas tarefas. Assim a tua obra será um milagre, mas tu serás um milagre para o
“Não julguem, e vocês não serão julgados Não condenem, e não ser condenados. Perdoem, e serão perdoados”(Lucas 6:37).

O perdão deve ter uma escolha diária. Escolhemos perdoar, tenhamos vontade ou não de fazê-lo. É uma decisão, e não um sentimento. Se esperarmos os sentimentos agradáveis aparecerem, pode demorar a vida inteira. Se lhe vem à memória alguém que você tem dificuldade de perdoar. Ore por essa pessoa de todas as maneiras que conseguir imaginar. É impressionante como Deus quebranta nosso coração quando oramos pelos outros A raiva, o ressentimento e a mágoa se transformam em amor.

Por vezes, jogamos a culpa em Deus por algo que consideramos injusto e que nos afetou de alguma maneira. Peça que ele lhe mostre se você tem agido assim em alguma área. Não deixe que o rancor limite a atuação de Deus em sua vida.

Algumas vezes também acontece de ficarmos nos culpando excessivamente por erros ou fatos dolorosos de nossa vida. Se esse é o seu caso, peça que Deus a ajude a perdoar a si mesmo pelas vezes em que você falhou.

Deus quer capacitá-lo a amar seus inimigos conforme Ele mesmo ordena na Palavra. Só Ele pode ensiná-lo a abençoar os que o amaldiçoam e perseguem e transformá-lo numa pessoa que perdoa prontamente.

Ore comigo, agora: “Senhor ajuda-me a ser uma pessoa que perdoa. Mostra-me em que áreas não tenho agido desse modo. Revela os recônditos de minha alma para que eu não fique preso ao rancor e prejudique meu futuro. Que eu possa compreender a profundidade do perdão que recebi de Ti e não deixe de concedê-lo a outros. Em nome de Jesus, amém!”

Comente