Sábios ou néscios?

Ouça agora:

TEMPO DE REFLETIR 1266 – 19 de junho de 2017

“Os néscios são mortos por seu desvio, e aos loucos a sua impressão de bem-estar os leva à perdição” (Provérbios 1:32).

Um garoto de mais ou menos três anos de idade gritava desesperado dentro do avião, enquanto o pai tentava acalmá-lo.

“Não quero morrer. Este avião vai cair, eu não quero morrer”. Depois, o pai explicou o que acontecia para os outros passageiros que contemplavam a cena sem entender. O filho tinha assistido a um filme em que o avião caía. O menino ficara tão impressionado que confundiu a ficção com a realidade.

A verdade é que ninguém em sã consciência deseja morrer. O ser humano foi criado com vocação para a vida. A morte é uma experiência estranha ao plano original de Deus.

No texto de hoje, no entanto, o sábio Salomão apresenta a morte como destino inevitável de muita gente. Ele não fala apenas da morte física. Refere-se a algo espiritual e de consequências eternas. Na segunda parte do texto, Salomão define a morte como perdição.

Quem são essas pessoas que se dirigem a um destino tão triste? O autor de Provérbios os chama de “néscios” e “loucos”. Ser néscio é antônimo de sábio. Enquanto os sábios caminham para a vida, os néscios dirigem-se para a morte.

O pior de tudo é que eles não sabem disso. Não têm consciência do perigo em que vivem. O texto afirma que eles têm a “impressão de bem-estar” (Pv 1:32). Mas finalmente eles serão mortos por seu “desvio”.

Em algum momento, se desviaram do caminho que conduz à vida. Hoje, andam tranquilos, tendo a “impressão de bem-estar”, mas a Bíblia declara que não basta “achar”. Você vê a tolice de confiar nos “próprios sentimentos”?

No verso seguinte, Salomão apresenta uma maneira de viver mais sensata. “O que Me der ouvidos habitará seguro, tranquilo e sem temor do mal” (Pv 1:33), afirma ele. Dar ouvidos a quê? Aos conselhos divinos. E eles só podem ser achados na Palavra de Deus.

Antes de partir para as suas atividades diárias, hoje, pergunte-se: “Aonde estou indo? O caminho que estou seguindo é o caminho que eu acho correto ou é a estrada que Deus estabeleceu para mim?” Isso é vital, porque “os néscios são mortos por seu desvio, e aos loucos a sua impressão de bem-estar os leva à perdição”.


-> Música: Alessandra Samadello, “Entrego o meu caminho”
-> Locução: Amilton Menezes

Para receber pelo WhatsApp, adicione 41 9507 0705 e mande uma mensagem pedindo os áudios. Se você tem Telegram, adicione nosso canal: telegram.me/tempoderefletir – Prefira, porém, o aplicativo MANAH, onde você terá todos os áudios à disposição.

Você está em: Textos

Compartilhe:


Comente