A Palavra eterna de Deus


TEMPO DE REFLETIR 1315 – 7 de agosto de 2017

“Seca-se a erva, e cai a sua flor, mas a Palavra de nosso Deus permanece eternamente” (Isaías 40:8).

No século 19, alguns historiadores diziam que Babilônia fora construída pela Rainha Semíramis. Na Bíblia, porém, o vaidoso rei Nabucodonosor exclama: “Não é esta a grande Babilônia que eu edifiquei para a casa real, com o meu grandioso poder e para glória da minha majestade?” (Dn 4:30).

Em 1899, Robert Koldewey escavou e desenterrou toneladas de tijolos, dos muros e dos templos de Babilônia, e todos com o selo desse rei! Entre os achados havia um tablete cuneiforme contando os feitos de Nabucodonosor. Nele, o rei declara: “Ó Babilônia, deleite dos meus olhos! A excelência do meu reino. Que dures para sempre!” É a arqueologia confirmando a Bíblia.

Embora Belsazar seja mencionado nas Escrituras como governador da Babilônia, os registros seculares não continham evidências do seu reinado. Mas, no Museu Britânico, hoje, encontra-se um cilindro provando que Belsazar governou Babilônia, tal como diz a Bíblia.

Uma das profecias mais notáveis é a que Isaías faz a respeito de Ciro, rei da Pérsia, e do seu ataque à cidade de Babilônia. A predição foi feita 150 anos antes do nascimento do rei: “Assim diz o Senhor ao seu ungido, a Ciro, a quem tomo pela mão direita, para abater as nações ante a sua face, e para descingir os lombos dos reis, e para abrir diante dele as portas, que não se fecharão.” (Is 45:1).

Ciro desviou o rio Eufrates, levou suas tropas pelo leito seco do rio, e encontrou os portões internos abertos, exatamente como fora predito. No Salão Persa do Museu Britânico, está o cilindro de Ciro, encontrado nas ruínas de Babilônia, no qual ele conta como foi a conquista da antiga cidade.

O Livro de Deus é confiável. Examine-o. Ouça a voz de Deus através de suas páginas, e receba inspiração e poder para uma nova vida.


-> Música: Coral Canto Jovem, “A Bíblia”
-> Locução: Amilton Menezes

Para receber pelo WhatsApp, adicione 41 9507 0705 e mande uma mensagem pedindo os áudios. Se você tem Telegram, adicione nosso canal: telegram.me/tempoderefletir – Prefira, porém, o aplicativo MANAH, onde você terá todos os áudios à disposição.


Você está em : Textos
Compartilhe:


Comente